If you are an ASTM Compass Subscriber and this document is part of your subscription, you can access it for free at ASTM Compass
    ASTM D5188 - 16

    Método de ensaio padrão para Determinação da temperatura da proporção de vapor/líquido de combustíveis (câmara evacuada e método de pistão)

    Active Standard ASTM D5188 Developed by Subcommittee: D02.08

    Book of Standards Volume: 05.02


      Format Pages Price  
    PDF 7 $62.00   ADD TO CART

    Historical Version(s) - view previous versions of standard

    Translated Standard(s): English

    ASTM License Agreement

    More D02.08 Standards Related Products


    Significance and Use

    5.1 The tendency of a fuel to vaporize in automotive engine fuel systems is indicated by the vapor-liquid ratio of the fuel.

    5.2 Automotive fuel specifications generally include T (V/L = 20) limits to ensure products of suitable volatility performance. For high ambient temperatures, a fuel with a high value of T(V/L = 20), indicating a fuel with a low tendency to vaporize, is generally specified; conversely for low ambient temperatures, a fuel with a low value of T(V/L = 20) is specified.

    1.1 Este método de ensaio abrange a determinação da temperatura em que o vapor formado a partir de um volume selecionado derivado de petróleo volátil saturado com ar a 0 °C a 1 °C (32 °F a 34 °F) produz uma pressão de 101,3 kPa (uma atmosfera) contra o vácuo. Este método de ensaio é aplicável a amostras para as quais a temperatura determinada está entre 36 °C e 80 °C (97 °F e 176 °F) e a proporção de vapor/líquido está entre 8 para 1 e 75 para 1.OBSERVAÇÃO 1 – quando a proporção de vapor/líquido for 20:1, o resultado se destina a ser comparável aos resultados determinados pelo Método de ensaio D2533.OBSERVAÇÃO 2 – este método de ensaio também pode ser aplicável a pressões diferentes de uma atmosfera, mas a precisão indicada pode não se aplicar.

    1.2 Este método de ensaio é aplicável a gasolina e misturas de gasolina e oxigenado.

    1.2.1 Algumas misturas de gasolina-oxigenado podem demonstrar uma névoa quando resfriadas de 0 °C a 1 °C. Se for observada névoa em 12.5, ela deverá ser indicada ao informar os resultados. A precisão e as indicações de desvio para amostras com névoa não foram determinadas (consulte a Observação 12).

    1.3 Os valores indicados no sistema internacional de unidades (SI) devem ser considerados como padrão.

    1.3.1 Exceção – os valores informados entre parênteses são fornecidos apenas como informação.

    1.4 Esta norma não pretende abordar todas as preocupações de segurança, se houver, associadas à sua utilização. É responsabilidade do usuário desta norma estabelecer práticas apropriadas de saúde e segurança e determinar a aplicabilidade das limitações regulatórias antes do uso. Para avisos específicos, consulte a Seção 7 e a subseção 8.1.1.