If you are an ASTM Compass Subscriber and this document is part of your subscription, you can access it for free at ASTM Compass
    ASTM D4737 - 10(2016)

    Método de ensaio padrão para Índice de cetano calculado pela equação de quatro variáveis

    Active Standard ASTM D4737 Developed by Subcommittee: D02.E0

    Book of Standards Volume: 05.02


      Format Pages Price  
    PDF 7 $200.00   ADD TO CART

    Historical Version(s) - view previous versions of standard

    Translated Standard(s): English

    ASTM License Agreement

    More D02.E0 Standards Related Products


    Significance and Use

    4.1 The Calculated Cetane Index by Four Variable Equation is useful for estimating ASTM cetane number when a test engine is not available for determining this property directly and when cetane improver is not used. It may be conveniently employed for estimating cetane number when the quantity of sample available is too small for an engine rating. In cases where the ASTM cetane number of a fuel has been previously established, the Calculated Cetane Index by Four Variable Equation is useful as a cetane number check on subsequent batches of that fuel, provided the fuel's source and mode of manufacture remain unchanged.

    Note 2: Test Methods D6890 and D7170 may be used to obtain a Derived Cetane Number (DCN) when the quantity of sample is too small for an engine test. These methods do measure the effect of cetane improver.

    4.2 Within the range from 32.5 to 56.5 cetane number, the expected error of prediction of Procedure A of the Calculated Cetane Index by Four Variable Equation will be less than ±2 cetane numbers for 65 % of the distillate fuels evaluated. Errors may be greater for fuels whose properties fall outside the recommended range of application.

    1.1 O índice de cetano calculado pela equação de quatro variáveis fornece um meio para estimar o número de cetano da ASTM (Método de ensaio D613) de combustíveis destilados a partir das medições de temperatura de recuperação de destilação e densidade. O valor calculado pela equação é denominado o índice de cetano calculado pela equação de quatro variáveis.

    1.2 O índice de cetano calculado pela equação de quatro variáveis não é um método opcional para expressar o número de cetano da ASTM. É uma ferramenta suplementar para estimar o número de cetano quando o resultado pelo Método de ensaio D613 não estiver disponível e se o melhorador de cetano não for usado. Como uma ferramenta suplementar, o índice de cetano calculado pela equação de quatro variáveis deve ser usado com respeito às suas limitações.

    1.3 O Procedimento A deve ser usado para a Especificação D975, graus 1–D S15, 1–D S500, 1–D S5000, 2–D S15, 2–D S5000 e 4–D. Este método para estimar o número de cetano foi desenvolvido por Chevron Research Co. O Procedimento A se baseia em um conjunto de dados, incluindo um número relativamente pequeno de combustíveis 1–D. O Procedimento A do Método de ensaio D4737 pode ser menos aplicável aos combustíveis 1–D S15, 1–D S500 e 1–D S5000, do que aos 2–D grau S5000 ou 4–D.

    1.3.1 O Procedimento A confirmou-se como aplicável a combustíveis diesel Grau 2–D S15.

    1.4 O Procedimento B deve ser usado para a Especificação D975, Grau 2–D S500.

    1.5 O método de ensaio “Índice de cetano calculado pela equação de quatro variáveis” é particularmente aplicável aos óleos diesel Grau 1–D S5000, Grau 1–D S500, Grau 2–D S5000 e Grau 2–D S500 contendo estoques de operação direta e craqueados e suas misturas. Pode ser usado para combustíveis mais pesados com 90% de pontos de recuperação inferiores a 382 °C e para combustíveis que contêm derivados de areias e xisto betuminoso.OBSERVAÇÃO 1 – Sxx é a designação para o nível máximo de enxofre especificado para o grau. Por exemplo, os graus S500 são aqueles com um limite máximo de enxofre de 500 ppm (μg/g).

    1.6 As misturas de biodiesel são excluídas deste método de ensaio, porque elas não fazem parte dos conjuntos de dados para desenvolver o Procedimento A ou B.

    1.7 Os valores indicados no sistema internacional de unidades (SI) devem ser considerados como padrão. Nenhuma outra unidade de medida foi incluída nesta norma.

    1.8 Esta norma não pretende abordar todas as preocupações de segurança, se houver, associadas à sua utilização. É responsabilidade do usuário desta norma estabelecer práticas apropriadas de saúde e segurança e determinar a aplicabilidade das limitações regulatórias antes do uso.