If you are an ASTM Compass Subscriber and this document is part of your subscription, you can access it for free at ASTM Compass
    ASTM D2624 - 21

    Métodos de ensaio padrão para Condutividade elétrica dos combustíveis destilados e combustíveis para aviação

    Active Standard ASTM D2624 Developed by Subcommittee: D02.J0.04

    Book of Standards Volume: 05.01


      Format Pages Price  
    PDF 14 $200.00   ADD TO CART

    Historical Version(s) - view previous versions of standard

    Translated Standard(s): English

    ASTM License Agreement

    More D02.J0.04 Standards Related Products


    Significance and Use

    5.1 A capacidade do combustível para dissipar uma carga gerada durante as operações de bombeamento e filtragem é controlada por sua condutividade elétrica, que depende do teor de espécies iônicas. Se a condutividade for suficientemente alta, as cargas serão dissipadas rápido o bastante para impedir que se acumulem e evitar potenciais perigosamente altos em um taque receptor.

    1.1 Esses métodos de ensaio abrangem a determinação da condutividade elétrica dos combustíveis destilados e para aviação com e sem um aditivo dissipador de estática. Os métodos de ensaio fornecem normalmente uma medição da condutividade quando o combustível está descarregado, ou seja, eletricamente em repouso (conhecido por condutividade intrínseca).

    1.2 Há dois métodos de ensaio para ensaios de campo da condutividade de combustíveis. São eles: (1) medidores portáteis para a medição em tanques ou em campo ou medição laboratorial de amostras de combustível, e (2) medidores em linha para a medição contínua das condutividades do combustível em um sistema de distribuição de combustível. Quando usar medidores portáteis, tenha cuidado ao permitir o relaxamento das cargas elétricas residuais antes da medição para evitar a contaminação do combustível.

    1.3 Os valores indicados no sistema internacional de unidades (SI) devem ser considerados como padrão. Nenhuma outra unidade de medida está incluída nesta norma.

    1.4 Esta norma não pretende abordar todas as preocupações de segurança, se houver, associadas à sua utilização. É responsabilidade do usuário desta norma estabelecer práticas apropriadas de saúde, segurança e meio ambiente e determinar a aplicabilidade das limitações regulatórias antes do uso. Para recomendações específicas, consulte 7.1, 7.1.1 e 11.2.1.

    1.5 Esta norma internacional foi desenvolvida de acordo com os princípios internacionalmente reconhecidos sobre padronização estabelecidos na Decisão sobre os Princípios para o desenvolvimento de normas, guias e recomendações internacionais emitidos pelo Comitê de obstáculos técnicos ao comércio (TBT) da Organização Mundial do Comércio.