ASTM D1267 - 18

    Método de ensaio padrão para Pressão manométrica de vapor de gases liquefeitos de petróleo (LP) (Método de gás LP)

    Active Standard ASTM D1267 Developed by Subcommittee: D02.H0

    Book of Standards Volume: 05.01


      Format Pages Price  
    PDF 7 $50.00   ADD TO CART

    Historical Version(s) - view previous versions of standard

    Translated Standard(s): English

    ASTM License Agreement

    More D02.H0 Standards Related Products


    Significance and Use

    5.1 Information on the vapor pressures of liquefied petroleum gas products under temperature conditions from 37.8 °C to 70 °C (100 °F to 158 °F) is pertinent to selection of properly designed storage vessels, shipping containers, and customer utilization equipment to ensure safe handling of these products.

    5.2 Determination of the vapor pressure of liquefied petroleum gas is important for safety reasons to ensure that the maximum operating design pressures of storage, handling, and fuel systems will not be exceeded under normal operating temperature conditions.

    5.3 For liquefied petroleum gases, vapor pressure can be considered a semi-quantitative measure of the amount of the most volatile material present in the product, and this can give an indication of low temperature operability.

    1. Escopo

    1.1 Este método de ensaio abrange a determinação da pressão manométrica de vapor em produtos de gás liquefeito de petróleo a temperaturas de até 37,8 °C (100 °F) e incluindo uma temperatura de ensaio de 70 °C (158 °F). (Aviso – gás extremamente inflamável. Pode ser prejudicial quando inalado.)

    OBSERVAÇÃO 1 – um método alternativo para medição da pressão de vapor de gases liquefeitos de petróleo é o Método de ensaio D6897. 1.2 Os valores indicados no sistema internacional de unidades devem ser considerados como padrão. Os valores entre parênteses após as unidades SI são fornecidos apenas para informação e não são considerados padrão.

    1.3 Esta norma não pretende abordar todas as preocupações de segurança, se houver, associadas à sua utilização. É responsabilidade do usuário desta norma estabelecer práticas apropriadas de saúde, segurança e meio ambiente e determinar a aplicabilidade das limitações regulatórias antes do uso. Para advertências específicas, consulte 1.1 e o Anexo A2.

    1.4 Esta norma internacional foi desenvolvida de acordo com os princípios internacionalmente reconhecidos sobre padronização estabelecidos na Decisão sobre os princípios para o desenvolvimento de normas, guias e recomendações internacionais emitidos pelo Comitê de Obstáculos técnicos ao comércio (TBT) da Organização Mundial do Comércio.